Verdão tem o elenco mais caro da América do Sul

0

Um dos elencos mais vitoriosos dos últimos anos, o time do Verdão, comandado por Abel Ferreira é recheado de estrelas que fazem com que o time se destaque nas competições. Com cinco títulos em pouco mais de 2 anos, o clube palestrino soma um bicampeonato da Libertadores, em 2020 e 2021, e uma copa do Brasil em 2020, como os títulos mais importantes ganhos no período.

Com esses títulos, a valorização do plantel alviverde só sobe, tornando o elenco o mais caro da América do Sul, segundo o portal Transfermarkt, site especializado em valores e negociações do mercado da bola internacional.

Segundo o site, o elenco do Verdão, que é o mais caro do continente, é avaliado atualmente em 167,4 milhões de euros, cerca de R$ 860,4 milhões. A estimativa leva em conta todos os países ligados à Conmebol, entre eles Brasil, Argentina, Uruguai, Paraguai, Chile, Equador, Colômbia, Peru, Bolívia e Venezuela.

Brasileiros dominam Top 10 clubes mais caros do continente

Além do Verdão, detentor do elenco mais valioso da América do Sul, outros sete brasileiros aparecem na lista dos 10 times mais caros do continente. O Flamengo ocupa o segundo lugar no ranking, com plantel avaliado em 159,1 milhões de euros. A lista ainda conta com 2 times argentinos. Os sete times mais valiosos estão disputando a Libertadores nesta temporada.

A lista completa tem 1-Palmeiras, valendo 167,4 milhões de euros; 2-Flamengo, por 159,1 milhões de euros; 3-River Plate, 134,7 milhões de euros; 4 – Atlético-MG, 123,7 milhões de euros; 5 – Boca Juniors, 98,2 milhões de euros; 6 – Corinthians, 88,7 milhões de euros; 7 – Red Bull Bragantino, 86,3 milhões de euros; 8 – São Paulo, 82,1 milhões de euros; 9 – Santos, 80,2 milhões de euros; 10 – Internacional, 76,6 milhões de euros.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.