Leila trabalha nos bastidores e Palmeiras pode pagar R$ 66 milhões por atacante

0

A novela Castellanos e Palmeiras parece ter um novo capítulo. Uma suposta fonte diretamente dos Estados Unidos teria afirmado que o acordo entre New York City e Palmeiras teria sido fechado em 12 milhões de dólares.

Porém, segundo o Jornalista da ESPN, Jorge Nicola, o assunto não passa de um boato mentiroso, “Fui checar essa história com duas fontes diferentes de dentro do Palmeiras e ambas asseguraram que isso é mentira. Uma delas, inclusive, me afirmou que nem houve uma reabertura de negociações nos últimos dias”, declarou o Jornalista.

A notícia animou muitos torcedores alviverdes nas redes sociais, que andam pressionando a diretoria por reforços, e estavam ansiosos quanto a chegada de um centroavante para a disputa do Mundial. “Torcedor palmeirense que se animou, que imaginou que Taty Castellanos seria o centroavante para o Mundial de Clubes, esqueça. As negociações estão travadas e o Palmeiras nem reabriu conversas”, completou Nicola.

Palmeiras e Castellanos

As sondagens e conversas entre o atacante argentino e o Verdão vem desde o ano passado. A negociação até chegou perto de um desfecho semanas atrás, quando o Palmeiras apresentou uma proposta ao clube Norte-americano de R$ 70 milhões. Mas as conversas esfriaram quando o New York subiu sua pedida para algo em volta de R$ 100 milhões.

O Verdão segue em busca de um centroavante de peso para a temporada 2022. E corre contra o tempo, e a pressão da torcida para anunciar logo o tão esperado nove.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.