Quanto o Palmeiras faturará com venda de Borja ao River Plate?

0

O centroavante Miguel Borja, maior fracasso do Palmeiras no mercado da bola, está na mira do River Plate. Para tirar o colombiano do Junior Barranquilla, da Colômbia, os argentinos estão dispostos a desembolsar 5 milhões de dólares. Como ainda tem parte dos direitos econômicos do jogador, o Verdão pretende ficar com metade do valor.

De acordo com informações da imprensa argentina, a equipe de Buenos Aires está próxima de fechar negócio pelo atacante. O River irá pagar 5 milhões de dólares (R$ 26 milhões) por 50% do jogador, percentual que pertence ao Junior. O Alviverde, por sua vez, exige receber metade do valor, já que detém a outra parte dos direitos.

Assim sendo, o Palestra iria embolsar U$ 2.5 milhões (R$ 13 milhões), metade do valor a ser pago pelo River, e ficar com 25% dos direitos do atacante.

“O que me disseram é que o Palmeiras vai exigir 50% do valor. O clube pegaria metade desse dinheiro (U$ 5 milhões) e ficaria com 25% (dos direitos). Se isso não acontecer, o Palmeiras vai falar que tem direito a 50%. Isso é muito claro nos bastidores e na diretoria”, disse o jornalista André Hernán em seu canal no YouTube.

Palmeiras tenta minimizar o prejuízo com Borja

O centroavante colombiano foi a contratação mais cara da história do Verdão, quando o clube desembolsou mais de R$ 40 milhões para contratá-lo junto ao Atlético Nacional, em 2017. Destaque do time de Medellín, o atacante havia feito uma reta final de Libertadores naquele ano que chamou a atenção do continente.

No Alviverde, não vingou. Teve parte dos direitos negociados em 2021 por 3,5 milhões de dólares (R$ 20 milhões) com o Junior, onde recuperou o seu futebol.

Enfim, se gostou do conteúdo não deixe de acessar com frequência o Portal do Palmeirense e nos seguir no Instagram.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.