Palmeiras se posiciona sobre não ter torcida contra o Flamengo

0

O Palmeiras não teve bom início no Campeonato Brasileiro, o time comandado por Abel Ferreira perdeu na primeira rodada para o Ceará em casa por 3 a 2 e depois disso foi até Goiânia, onde empatou com o Goiás por 1 a 1, em um jogo recheado de polêmicas em relação ao gol marcado pelo adversário na partida.

Depois disso o Verdão vira sua atenção para o jogo contra o Flamengo que acontecerá nesta quarta-feira, no Maracanã. A partida é válida pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro, e foi adiantada devido à compromissos na Libertadores de ambos os times. O jogo terá torcida única, pois o Flamengo decidiu usufruir de decisão de “reciprocidade”.

A decisão do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva), que permite o time carioca à não aceitar um setor visitante na partida contra o Palmeiras, vem de 2 anos atrás. A decisão de 2020 se referia à um jogo de 2019, onde o Verdão não vendeu ingressos à torcida do Flamengo alegando falta de segurança e possíveis brigas entre organizadas das equipes.

Palmeiras pede harmonia entre os clubes

Depois de pedidos diretos ao Ministério Público e à Polícia Militar de São Paulo, o Palmeiras conseguiu a liberação da CBF para que o jogo contra o Flamengo em 2019 fosse realizado sem setor visitante. O que gerou uma decisão do STJD de 2020 de “reciprocidade”, que o time carioca faz valer agora não vendendo ingressos ao torcedor do Palmeiras. Confira como o clube paulista se posicionou sobre a situação:

“O Palmeiras não comenta decisões judiciais, mas entende que o momento pede uma maior união entre os clubes. A rivalidade deve se restringir ao campo de jogo. Se quisermos criar efetivamente uma liga forte, precisamos caminhar em busca da harmonia. Somente dessa forma o futebol brasileiro vai vencer“, disse em nota.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.