10 maiores artilheiros do Palmeiras

0

Lista dos 10 maiores artilheiros da história do Palmeiras

1. Heitor (315 gols)

Heitor Palmeiras
Imagem: gazetaesportiva.com

Ettore Marcelino Domingues, também conhecido como Heitor, foi um atleta descendente de italianos que defendeu a Sociedade Esportiva Palmeiras de 1916 a 1931. Referência no esporte brasileiro da época, Heitor atuou também pelo basquete do clube, onde se tornou campeão paulista em 1928.

Iniciou como atacante do Palmeiras aos 17 anos, conquistando imediatamente a confiança da comissão técnica pela notável habilidade e finalização. Acumulou alguns recordes durante sua carreira pela equipe alviverde além da artilharia isolada, como maior artilheiro da história do Palmeiras em Campeonato Paulista (178 gols) e maior artilheiro da história do Estádio Parque Antártica (175 gols). Ao todo, marcou 315 vezes em 358 jogos pelo Palmeiras.

2. César Maluco (182 gols)

César Maluco
Imagem: espn.com.br

No início dos anos 1970, o Palmeiras despontava no país como uma das melhores equipes. Após títulos como o Campeonato Brasileiro 1972 e 1973, o Campeonato Paulista 1972 (de forma invicta) e 1974, e a presença de ídolos como Ademir da Guia, Luís Pereira e Leivinha, a equipe passou a ser chamada de “Segunda Academia”.

Dentre os jogadores, estava César Maluco, um centroavante nascido em Niterói que atuava na equipe paulista desde 1967, quando conquistou o título do antigo Campeonato Brasileiro, o então Torneio Roberto Gomes Pedrosa. César marcou 182 gols em 327 partidas com a camisa alviverde. 

3. Ademir da Guia (155 gols)

Ademir da Guia Palmeiras
Imagem: jovempan.com.br

Ademir da Guia é, indiscutivelmente, um dos maiores jogadores brasileiros de todos os tempos. Revelado pelo clube carioca do Bangu, o meio-campista chegou ao alviverde em 1961, e deu início a uma carreira repleta de títulos e atuações majestosas. Filho do também jogador Domingos da Guia, Ademir conquistou cinco vezes o campeonato nacional, uma vez como Roberto Gomes Pedrosa (1967), duas vezes como Taça Brasil (1967 e 1969) e duas vezes já como Campeonato Brasileiro (1972 e 1973). É o jogador que mais vezes vestiu a camisa do clube paulista, 902 jogos, e marcou 155 gols no total.

4. Lima (148 gols)

Lima Palmeiras
Imagem: palmeiras.com.br

Eduardo Lima foi um dos responsáveis por liderar a equipe nos anos 1940, época em que o Palestra Itália enfrentou pressões e boicotes do governo brasileiro em função da Segunda Guerra Mundial, o que resultou na mudança do nome do clube para Palmeiras. O meia estreou ainda jovem, com 18 anos, e foi fundamental para a equipe na conquista do Campeonato Paulista de 1940, quando goleou por 4 a 1 o São Paulo Futebol Clube. Estava em campo no título do Torneio Internacional de Clubes Campeões de 1951. Ao todo, Lima anotou 148 gols em 467 jogos com a camisa do Palmeiras.

5. Servílio (139 gols)

Servíllio Palmeiras
Imagem: palmeiras.com.br

Outro integrante da lista dos 10 maiores artilheiros do Palmeiras é Servílio, atacante que jogou pela equipe alviverde por seis anos, de 1963 a 1969. As características de força física e altura diferenciam Servílio dos demais jogadores da época, o que acabou rendendo algumas convocações para defender a Seleção Brasileira.

Era um dos nomes na lista de convocação para da Copa do Mundo da Inglaterra, em 1966, mas foi cortado pouco tempo antes do início do torneio mundial. Pelo Palmeiras, conquistou o Campeonato Paulista (1963 e 1966) e o Campeonato Brasileiro 1967, quando então era conhecido como Torneio Roberto Gomes Pedrosa. Marcou 139 gols em 292 jogos defendendo a equipe palmeirense.

6. Rodrigues Tatu (131 gols)

Rodrigues Tatu
Imagem: terceirotempo.uol.com.br

Rodrigues Tatu foi autor de um gol em cada partida da final contra a Juventus da Itália na final do Torneio Internacional de Clubes Campeões de 1951, título tão expressivo na história do Palmeiras. Além da importância do ponta-esquerda para o título mundial da equipe, o atacante Rodrigues também está na lista dos 10 maiores artilheiros do Palmeiras com 131 gols marcados em 240 partidas. Conquistou também o Torneio Rio-São Paulo de 1951 e o Campeonato Paulista de 1950. Atuou com a camisa alviverde entre 1950 e 1955, e de 1956 até 1957. 

7. Humberto Tozzi (127 gols)

Humberto Tozzi
Imagem: futebolpaulista.com.br

Vindo do Rio de Janeiro, Humberto chegou em São Paulo em 1953, aos 19 anos. Destacou-se em suas primeiras atuações quando foi eleito artilheiro do Campeonato Paulista em duas edições, 1953 e 1954, com 22 e 36 gols. Após respectivas convocações para Jogos Olímpicos e Copa do Mundo, Humberto se transferiu para o futebol italiano, voltando a equipe paulista em 1960, quando conquistou de forma invicta junto ao Palmeiras o primeiro título nacional, a denominada Taça Brasil. Na decisão, marcou uma vez na goleada por 8 a 2 sobre o Fortaleza. Ao todo, fez 127 gols em 138 jogos com a camisa do Palmeiras. 

8. Evair (126 gols)

Evair Palmeiras
Imagem: palmeiras.com.br

Ídolo de uma fase de glórias mais recente na história do clube paulista, Evair ajudou com mais de cem gols a equipe multicampeã dos anos 1990. O centroavante foi o jogador brasileiro que mais balançou as redes no ano de 1994, 53 vezes. Sua primeira passagem pelo Palmeiras iniciou em 1991 e foi até 1994.

Durante esse período, conquistou quatro títulos expressivos, como o Campeonato Brasileiro de 1993 e 1994, e o Campeonato Paulista de 1993 e 1994. Em 1999 voltou para a equipe alviverde e foi novamente fundamental em um título, dessa vez a Copa Libertadores da América de 1999, na qual marcou um dos gols da segunda partida da final. Foram 126 gols marcados em 245 partidas pela equipe palmeirense.

9. Luizinho (122 gols)

Luizinho Palmeiras
Imagem: palmeiras.com.br

Luizinho chegou ao Palmeiras após ter disputado a Copa do Mundo de 1934 com a Seleção Brasileira. Sua passagem pela equipe alviverde durou seis anos e foi coroada com três títulos do Campeonato Paulista, em 1936, 1938 (edição extra) e 1940. Em 1938, foi novamente convocado para um mundial de seleções, torneio sediado na França. Luizinho soma um total de 122 gols marcados em 1964 jogos pelo Palmeiras.

10. Tupãzinho (122 gols)

Tupãzinho Palmeiras
Imagem: palmeiras.com.br

Também com 122 gols e dividindo as duas últimas colocações na lista dos 10 maiores artilheiros da Sociedade Esportiva Palmeiras está Tupãzinho, um meia que vestiu o manto alviverde por cinco anos durante a década de 1960. Nascido em Bagé, no Rio Grande do Sul, José Ernâni da Rosa conquistou alguns títulos importantes na história da equipe paulista como os campeonatos nacionais Roberto Gomes Pedrosa 1967 e Taça Brasil 1967, o Torneio Rio-São Paulo 1965 e duas vezes o Campeonato Paulista, em 1963 e 1966. Disputou um total de 234 jogos com a camisa alviverde.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.