Rogério Ceni se irrita e provoca Abel Ferreira “Tenho sorte”

0

O técnico Rogério Ceni não gostou da declaração de Abel Ferreira após o Choque-Rei desta quinta-feira (14). O comandante são-paulino rebateu a fala do português, que destacou a sorte do time do Morumbi ao se classificar para as quartas de final da Copa do Brasil.

“Segunda vez que tenho sorte contra ele, né? No Flamengo, fomos campeões da Recopa contra ele. Foi sorte também. Importante reconhecer: o Palmeiras ficou perdido também. É normal. Mas é bom valorizar o trabalho dos outros, assim como a gente valoriza o Palmeiras”, disparou.

O Verdão foi superior em grande parte dos 90 minutos, principalmente no primeiro tempo. Os dois gols feitos (Piquerez e Raphael Veiga), foram pouco pelo o que foi produzido pelo time, que ainda perdeu um pênalti com Veiga.

Somente aos 24 minutos da segunda etapa o cenário mudou. A penalidade inexistente marcada pelo árbitro e convertida por Calleri colocou a equipe de Ceni na partida.

O Alviverde sentiu o golpe e o jogo ficou mais aberto. Mas, mesmo assim, na trocação, o Palestra por pouco não chegou ao terceiro gol.

Pior no jogo, o São Paulo levou a melhor nos pênaltis. Talvez, Abel não esteja totalmente errado na declaração.

Fala de Abel que irritou Rogério Ceni

Ao analisar a partida, em coletiva após o jogo, Abel afirmou que a sorte é um componente do futebol. Sem um pouco dela, segundo o treinador, a equipe do Morumbi não teria conseguido a classificação.

“Quer vocês gostem ou não, na nossa vida precisamos de uma pontinha de sorte. Competência e sorte, como já tivemos em outros jogos. Não estou dizendo que o São Paulo só ganhou com sorte. Mas é preciso ter sorte. O São Paulo, desculpem, teve. Não é sorte, é a felicidade do jogo”, declarou o treinador palmeirense.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.