Parceiro de Weverton quase fechou com o São Paulo após sair do Verdão

0

Ídolo do Verdão, o goleiro Jailson está livre no mercado e busca um clube para defender ainda nesta temporada. Em entrevista ao podcast ‘GE Palmeiras’, o arqueiro revelou ter recebido uma sondagem do São Paulo e consideraria atuar pelo rival se não tivesse atingido o limite de jogos pelo Brasileirão.

“Recebi o convite, tinha jogado 11 partidas no Brasileiro pelo América-MG e meu empresário falou comigo: ‘O São Paulo te procurou, mas como você tinha feito os 11 jogos, não dava para você ir’. Fico feliz, porque é um time grande e tem história no mundo inteiro”, disse o goleiro.

Se aproximando do fim da carreira, Jailson ficou lisonjeado por ter recebido o contato do time do Morumbi. O jogador não descartou fechar acordo caso uma proposta tivesse sido feita.

Sou profissional, a gente ia sentar para ver se ia para lá mesmo, mas fico feliz por aos 41 anos aparecer time grande interessado no meu trabalho. Se eu ia ou não ia, na hora eu ia falar”, complementou.

Jailson não conseguiu se firmar depois de deixar o Verdão

Com o manto palestrino, o goleiro entrou para a história, fez 104 jogos e ganhou oito títulos: Brasileirão (2016 e 2018), Copa do Brasil (2015 e 2020), Libertadores (2020 e 2021), Paulistão (2020) e Flórida Cup (2020).

No começo deste ano, foi liberado após o fim do contrato e ficou livre no mercado para procurar outra equipe para atuar.

O arqueiro chegou a assinar com o Cruzeiro, mas desfez o acordo antes mesmo de entrar em campo pelo time mineiro.

Depois, acertou com o América-MG. Pelo Coelho, fez um total de 26 partidas antes de rescindir o contrato e ficar novamente livre no mercado.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.