Palmeiras desperdiçou volante, que virou um grande zagueiro na Europa

0

Dispensado do Palmeiras por um motivo inusitado, hoje o ex-meiocampista e agora zagueiro, Andrei Girotto é estatisticamente o melhor zagueiro da França.

Numa liga estrelada, principalmente por conta do PSG, grandes zagueiros desfilam nos gramados. Marquinhos e Sérgio Ramos são apenas um dos zagueiros que atuam no futebol do país atual campeão do mundo.

Mas nenhum deles vem atuando melhor que Andrei Girotto.

O zagueiro chegou ao Nantes em 2017, justamente para fazer a função de meio-campista, porém, se tornou peça-chave da equipe em 2019 apenas, quando se transformou em zagueiro.

Na atual temporada, segundo o algoritmo do ‘WhoScored?’, que transforma as estatísticas dos jogadores nas partidas, em notas, Girotto tem uma média de 7,2 fazendo com que o atleta seja o melhor zagueiro do campeonato. O segundo melhor no quesito é justamente o compatriota Marquinhos, do PSG.

Girotto teria espaço no Palmeiras de hoje?

Em entrevista ao blog do jornalista Rafael Reis, Girotto contou mais sobre sua saída do Palmeiras, e o momento que viveu no Alviverde.

“Hoje sou um novo jogador. Passei por momentos muito difíceis no Palmeiras. O Oswaldo de Oliveira não me utilizou e perdi muita confiança quando não fui inscrito no Paulistão. Era muito complicado para mim. Eu estava com uma rinite muito intensa, que me deixava sem força em campo. Só melhorei depois que fiz um tratamento na Chapecoense”, revelou o zagueiro.

Sim, um dos motivos do jogador ter sido “dispensado” pelo Palmeiras, foi uma rinite.

Agora longe das alergias e apresentando um grande futebol, o jogador foi perguntado se voltaria ao Palmeiras para uma nova oportunidade.

“Ah, o Palmeiras tem um grande elenco. É difícil dizer. Estou feliz com meu desempenho no Nantes”, afirmou.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.