Leila Pereira abre o coração e fala sobre saída de Gabriel Veron: “Melhor para o Palmeiras”

0

Na tarde desta terça-feira (26), a presidente do Palmeiras, Leila Pereira, falou sobre a venda do atacante Gabriel Veron para o Porto, de Portugal. Em resposta ao questionamento do valor da transferência, a mandatária apontou o extra-campo como um fator decisivo na queda do preço do atleta de 19 anos.

“Se ele pudesse ter sido vendido por mais, pode ter certeza absoluta que seria. Jamais prejudicaria um ativo do Palmeiras. O Veron foi vendido pelo valor dele hoje. Que o futebol é hoje”, disse a presidente alviverde.

O promissor atacante foi uma das principais revelações recentes da base do Palestra. Por essa razão, a expectativa a respeito de sua transferência era de um valor maior. Entretanto, segundo Leila, as lesões e o comportamento fora dos gramados por parte do atleta atrapalharam.

“Hoje, em virtude de lesões, de não ter participado de muitos jogos, uma vida extracampo difícil, o melhor para o Palmeiras e para o atleta foi negociá-lo, não tenho dúvida. Torço para que ele faça muito sucesso na Europa e que retome esses valores que vocês [imprensa] acham que ele vale”, finalizou.

Leila Pereira vendeu Veron por um preço justo?

O Verdão fechou negócio com o Porto por 10 milhões de euros (aproximadamente R$ 55,7 milhões). Dessa quantia, 80% será destinada aos cofres do clube, cerca de R$ 47 milhões, e outros 10% dos direitos do jogador foram mantidos pensando em uma venda futura.

Cria da Academia, Gabriel tinha uma multa rescisória de 60 milhões de euros (R$ 338 milhões), tamanho era o seu potencial.

Ao ser vendido por 10 milhões de euros, o atacante de 19 anos renderá menos ao bolso do clube que os defensores Matías Viña (13 milhões de euros) e Yerry Mina (12,4 milhões de euros), quando negociados com o futebol europeu.

A efeito de comparação, o Corinthians recentemente vendeu o zagueiro João Victor, de 23 anos, também para o mercado português, por 8 milhões de euros (R$ 44 milhões na cotação atual).

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.