Jornalista dispara e diz que Verdão está jogando uma bolinha minúscula

0

O jornalista Milton Neves voltou a criticar o desempenho do Verdão após a vitória dos comandados de Abel Ferreira por 2 a 1, contra o Internacional, pelo Brasileirão, neste domingo (24). Para o apresentador, o time está jogando “uma bolinha” e será ultrapassado por rivais na tabela.

“Bem, mas sejamos francos: com essa bolinha o Verdão acabará perdendo a liderança rapidamente. No momento, os palestrinos aproveitam enquanto podem a ponta da tabela, já que Atlético-MG e Flamengo, com novos treinadores, já cresceram demais no retrovisor alviverde”, disse em sua coluna no ‘Uol’.

O Galo, de técnico novo, perdeu em casa na rodada e viu o Alviverde abrir sete pontos de vantagem. Já o Flamengo está a nove pontos de distância. Mas, segundo Milton, ambos passarão o Palestra, pois Abel “não é competente em pontos corridos”.

“E logo vão passar o time de Abel! Podem anotar e me cobrar: o Verdão terminará o Brasileiro com a terceira colocação! Isso porque Abel é copeiro, mas não é tão competente assim nos pontos corridos”, concluiu.

Verdão mostrou a sua força contra o Inter

A vitória por 2 a 1 do Palmeiras sobre o rival gaúcho evidenciou o potencial do time e a principal questão que está atrapalhando o desempenho nos últimos jogos.

Avassaladora, a equipe de Abel não tomou conhecimento do rival no primeiro tempo. Pressionante a todo momento e aproveitando os espaços dados pelo Inter, o Alviverde fez 1 a 0, não correu riscos e poderia ter resolvido o jogo antes do intervalo – fato que quem viu apenas o resultado final ou não sabe ver futebol não percebeu.

Entretanto, na volta dos vestiários o time apresentou o problema que vem afetando o rendimento nas últimas partidas: o cansaço.

Com a queda do rendimento físico, o Verdão perdeu a intensidade e viu o adversário crescer e empatar o duelo.

Mesmo assim, a equipe conseguiu fazer o 2 a 1 e garantir a vitória e a 1ª colocação do Campeonato Brasileiro ao fim do primeiro turno.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.