CBF se manifesta sobre lance polêmico em jogo do Palmeiras

0

O Palmeiras segue sem vencer no Campeonato Brasileiro. O Palestra visitou o Goiás nesse final de semana e empatou o jogo, por pouco, depois de Rony marcar quase no apagar das luzes. Com a segunda rodada do campeonato encerrada, o Verdão ocupa a 15ª posição no nacional, com 1 ponto marcado, uma derrota e um empate até aqui.

O resultado não foi o que o torcedor palmeirense esperava, e ainda por cima teve mais uma polêmica contra o time do Palestra. O primeiro gol do jogo, marcado por Pedro Raul para o time esmeraldino, gerou muita reclamação, por causa de um choque entre Caio Vinicius com Weverton, que foi considerado falta a favor do Palmeiras por alguns.

Mesmo com as reclamações, o gol foi revisado pelo árbitro de vídeo e validado. Depois da polêmica, a Comissão de Arbitragem da CBF divulgou o áudio na hora da decisão. “Foi verificada uma possível falta no Weverton, os dois erram, a bola passa e o choque é acidental depois. Segue decisão de campo, gol é legal”, disse o responsável pelo VAR, Daniel Nobre Bins, durante a gravação.

Especialista da transmissão apontou falta na jogada

Mesmo com a validação do gol do Goiás em cima do Palmeiras pelo VAR, ainda foi gerada uma polêmica em cima do lance, ainda mais com a opinião do comentarista de arbitragem da rede Globo, Sálvio Spínola, que discordou da definição final da arbitragem.

“Foi falta, o gol tinha que ser anulado. A bola ainda não tinha entrado no gol quando tem o contato no goleiro. Ele não toca na bola. Só seria o gol se a bola tivesse ultrapassado a linha. A falta aconteceu antes”, disse o especialista.

O Verdão agora vira sua atenção para o jogo contra o Flamengo que acontecerá nesta quarta-feira, no Maracanã. A partida é válida pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro, e foi adiantada devido à compromissos na Libertadores de ambos os times.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.