CBF compromete e escala juiz envolvido em polêmica com Abel Ferreira

0

Nesta segunda-feira (11), a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) confirmou Leandro Pedro Vuaden na arbitragem de Palmeiras x São Paulo, na quinta-feira (14), válido pela volta das oitavas de final da Copa do Brasil. A decisão é polêmica, pois o técnico Abel Ferreira já pediu publicamente para que Vuaden não apitasse jogos do Verdão.

Em 2020, o árbitro errou contra o Alviverde em partida contra o mesmo São Paulo e contra o América-MG, no Independência. Na época, após a derrota contra os mineiros, por 2 a 1, o treinador palestrino fez duras críticas e pediu para que ele não apitasse mais jogos do time.

“Não tenho nada contra ele (Vuaden), mas desejo que ele não apite mais o Palmeiras. Contra o São Paulo, não viu um pênalti no Luiz Adriano. E hoje um vermelho direto que tinha que ser vermelho no homem que fez falta sobre o Rony e ele não viu. Não podemos ter arbitragem amadora quando somos todos profissionais”, declarou Abel.

Leandro Vuaden tem um histórico de 35 partidas do Palmeiras na carreira. Com ele no apito, o retrospecto não é bom. São 10 vitórias, nove empates e 16 derrotas. No Allianz, são três triunfos, dois empates e dois reveses.

Rafael da Silva Alves (FIFA) e Michael Stanislau, do Rio Grande do Sul, auxiliam o árbitro. Enquanto Emerson de Almeida Ferreira, de Minas Gerais, é o responsável pelo VAR.

Com decisão polêmica da CBF, Palmeiras x São Paulo duelam

O sexto Choque-Rei de 2022 acontece às 20h desta quinta-feira (14), no Allianz Parque. A partida decide uma vaga nas quartas de final da Copa do Brasil.

Em desvantagem, após a derrota no jogo de ida no Morumbi, por 1 a 0, o Verdão contará com mais de 37 mil torcedores para fazer mais de dois gols de diferença para se classificar. Um triunfo por um gol de diferença leva a decisão para os pênaltis.

Dos cinco clássicos disputados no ano, o Alviverde venceu três e perdeu dois.

Enfim, se gostou do conteúdo não deixe de acessar com frequência o Portal do Palmeirense e nos seguir no Instagram.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.