Algoz do Palmeiras tem atuação vergonhosa e ajuda o Corinthians

0

Carrasco do Palmeiras na Libertadores de 2018, o centroavante Dario Benedetto foi um dos responsáveis pela classificação do Corinthians para as quartas de final do torneio, nesta terça-feira (5). Diferente do que fez contra o Verdão, o argentino perdeu uma série de gols e ajudou o rival alviverde.

Após o empate sem gols na capital paulista na partida de ida, o Boca precisava de uma vitória simples na Bombonera para eliminar o time de Itaquera. E chances para isso não faltaram. Porém, as melhores oportunidades da equipe de Buenos Aires caíram nos pés errados.

Em noite desastrosa, Benedetto perdeu um gol incrível ainda no primeiro tempo. Livre, quase na pequena área, ele chutou por cima da meta de Cássio. Poucos minutos depois, teve nova chance de abrir o placar, mas cobrou penalidade na trave.

Já no segundo tempo, o camisa 9 xeneize saiu de frente para o goleiro corintiano e tentou encobri-lo, sem sucesso.

O 0 a 0 no tempo normal levou a decisão para os pênaltis. Na quinta cobrança, o jogador teve nova oportunidade de se redimir. No entanto, isolou a cobrança, manteve o Corinthians vivo na disputa e foi fundamental para a classificação do rival para as quartas de final.

Carrasco do Palmeiras em 2018

Quando enfrentou o Verdão, o desempenho de Benedetto foi outro. Em 2018, o time comandado por Felipão estava bem, não à toa conquistou o 10º título brasileiro da história do clube naquele ano. Mas, na Libertadores, parou no Boca Juniors liderado pelo centroavante.

No jogo de ida da semifinal, na Bombonera, o atacante foi o autor dos dois gols da equipe na vitória por 2 a 0. Na volta, no Allianz Parque, ele ainda marcou o segundo tento do Boca no empate por 2 a 2, que garantiu uma vaga na final para os argentinos.

Enfim, se gostou do conteúdo não deixe de acessar com frequência o Portal do Palmeirense e nos seguir no Instagram.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.