Abel Ferreira responsabiliza erros dos jogadores por eliminação do Verdão

0

Após a eliminação do Palmeiras na Copa do Brasil, o técnico Abel Ferreira destacou a ineficiência do time. Para o português, o Verdão foi melhor durante os 90 minutos, mas não teve competência para converter as várias oportunidades que teve para ampliar o marcador e garantir a classificação.

“Em alguns momentos queremos explicar o porquê das coisas. Isso é futebol. Fizemos 2 a 0. Tivemos oportunidade de fazer o terceiro. Duas vezes com Veron e um pênalti perdido. Depois o adversário faz”, disse Abel em coletiva de imprensa.

O Alviverde foi melhor na partida e teve chances para garantir a classificação no tempo normal. Porém, nas penalidades máximas, o São Paulo levou a melhor. Segundo Abel, o resultado final não condisse com o que foi o jogo.

“Fizemos um bom jogo, mas o resultado é injusto. Penaliza a nossa não eficiência nas oportunidades que tivemos para matar o jogo. E foram várias para matar o jogo”, acrescentou.

Abel Ferreira também responsabilizou a arbitragem

Ainda na coletiva, o treinador apontou os erros do VAR e do árbitro Leandro Pedro Vuaden como fatores que influenciaram no resultado. Vuaden marcou um pênalti inexistente para o São Paulo e deixou de assinalar uma penalidade em Dudu no primeiro tempo.

“Um minuto antes tem o pênalti, no lance seguinte tem o pênalti do adversário que o VAR marcou, não o Vuaden. E temos um pênalti do mesmo nível na primeira parte com o Dudu. Cada um faz o melhor que sabe e pode com os recursos que tem”, disse o comandante alviverde.

- Publicidade -

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.